Formado em Cinema pela PUC/RJ. Autor, diretor, ator e produtor. Desempenhou todas essas funções no longa-metragem B.O. coprodução de sua produtora, Belmonte Produções, com o Canal Brasil. O longa participou de festivais no Brasil e no exterior e que tem estreia prevista para 2018, com distribuição da Raccord Filmes. Trabalha com teatro desde os quinze anos. Escreveu e dirigiu a Peça Ruim, espetáculo que esteve quatro anos em cartaz na cidade do Rio de Janeiro. Adaptou e dirigiu o texto romeno Uma Carta Perdida, peça indicada ao prêmio Botequim Cultural de Melhor Texto Adaptado. Dirigiu Edward Bond para Tempos Conturbados, espetáculo com temporada de sucesso no horário nobre do Teatro Poeira. Adaptou para o teatro o livro Terra Papagalli e escreveu em parceira com Gustavo Bicalho, da Artesanal Cia de Teatro, a peça Quando as Pessoas Andam em círculos, que se apresentou no Festival Internacional Intercâmbio de Linguagens (FIL). Trabalhou como assistente de direção de grandes nomes do cenário teatral brasileiro (Marco André Nunes, Isaac Bernat, Eduardo Wotzik, entre outros). Como ator, já participou de diversos programas, filmes e peças.

Daniel Belmonte

Sentir ou não sentir

Quando Susanna Kruguer me fez o convite para estar ao lado dela e escrever sobre teatro, não imaginei que a tarefa seria tão árdua. De cara ela me coloca um…
Scroll Up