Menu

Astros e Estrelas – Sol no signo de Peixes

Esta semana começou com a Lua Cheia em 19/02 no signo de Virgem. É quando a face lunar visível pra nós está totalmente iluminada, o que é chamado também de plenilúnio. Esta é a fase de clímax do ciclo lunar que se iniciou em 04/02 (Lua Nova). A magnética presença da Lua Cheia nos atrai “para fora”, estimulando a saída para o meio externo e para as atividades sociais. A Lua Cheia nos espelha toda sua luminosidade, deixando nossas noites mais claras e convidativas. É um momento que favorece o convívio com nossos pares, sendo propício para reuniões, encontros, festas, eventos, promoções etc e toda sorte de atividades em conjunto, com outras pessoas. Este clima maior de participação vai até o dia 26/02, favorecendo a vida social.  

Por outro lado, o Sol no signo de Peixes, no qual ingressou em 18/02/2019 (20:03h), faz fluir para o ambiente uma visão sensível das coisas. Peixes é um signo de Água, onde tudo se junta e dilui. Sendo o último signo do caminho zodiacal, representa um amálgama, uma visão de unificação que o caracteriza como o signo da espiritualidade. Enquanto Peixes mobiliza-se pelo todo, por um ideal, o signo oposto, Virgem – onde ocorreu a Lua Cheia – prima pelo detalhe e pela técnica. Portanto, a Lua Cheia cria um link entre esses dois pólos – duas faces de uma mesma moeda, proporcionando a oportunidade de uma aplicação mais integrada e complementar das coisas.

O planeta Marte finalmente está se afastando da conjunção explosiva com Urano, que precipitou tantos acidentes e incêndios. Mas agora, ingressando em Touro, um signo de Terra, sua ação torna-se mais comedida e cautelosa, visando ativar coisas objetivas e concretas, reforçando ainda mais os planetas que estão em Capricórnio – Saturno, Vênus e Plutão. Isto reflete um tom não apenas mais calmo, mas também mais lento, mais compassado. Ao se iniciar alguma coisa, será importante que se parta de uma base, um alicerce e controle sobre a situação, que precisa evoluir devagar, com calma e organização.

O planeta Vênus, que está em Capricórnio entre Saturno e Plutão, é o regente do signo de Touro onde se encontra Marte, criando esse elo de Terra entre os planetas. Esta posição acarreta uma limitação para a naturalidade e espontaneidade venusianas mas, por outro lado, reflete uma estabilidade e longevidade em atividades sociais, relacionamentos e investimentos. Isto vai concorrer para as iniciativas e propostas ligadas a Marte em Touro, promovendo um sentido construtivo geral e mais seguro para as situações.  

Por fim, o planeta Mercúrio já está se afastando da conjunção com Netuno, o que vai dissipando dúvidas e confusões. Continuando sua trajetória por Peixes, imprime uma grande sensibilidade às idéias e ao pensamento, sempre em busca de um ideal. Pela imensidão em que se encontra mergulhado,  Mercúrio em Peixes reflete uma mente sensível e poética, criativa, cujas idéias emanam de um verdadeiro oceano de transcendência. Porém, precisam de instrumentos concretos que viabilizem a aplicação na realidade. Os planetas que estão em signos de Terra ajudam neste sentido, pois conferem objetividade. E a fase da Lua Cheia em Virgem, que vai até o dia 26/02, também favorece neste momento.

No dia 26/02 a Lua entra no Quarto Minguante, que é a última fase do seu ciclo. É um período de finalizações, favorável para completar pendências. Não é propícia para se iniciar algo novo – aguarde até o início do próximo ciclo em 06/03. Esperamos que o carnaval deste ano (02 a 05/03), durante a fase Minguante, transcorra em um clima tranqüilo.

Em 21/02/2019

Angela Nunes

(por www.rioinformal.com/angela-nunes/)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Scroll Up